gototopgototop

Mensagem de 30 de Outubro de 2016

 

            Queridos filhos!

É uma alegria, é uma paz, é uma festividade da vida de quem ora. As crianças aqui presentes do apostolado do Santo Terço, do Santo Terço das crianças. Este é um momento de paz, em que vivemos a paz.

Fico tão feliz quando o Céu se abre e Deus me coloca – por sua santa vontade aqui presente de corpo e alma – sendo acolhida pelas crianças, sendo homenageada pelos jovens, pelas crianças e por todas as famílias.

Isso traz uma enorme alegria ao meu Coração. Essa alegria só vive quem vive a graça de Deus, quem vive o mistério de Deus. Estamos vivenciando aqui o mistério mais lindo que é o mistério da fé. É o mistério da graça em abundância. O Céu derrama graças sobre nós, sobre mim, Maria, e sobre vocês, os filhos.

Louvado seja a Santíssima Trindade por essa graça! Louvado sejam Deus Pai, Deus Filho e Deus Espírito Santo por essa graça!

Nesta mensagem vamos refletir sobre o quanto é grande a oração das crianças. Como é grande o benefício recebido com a oração das crianças! Desde o início da manhã, a comunidade do Vale se encheu do Espírito Santo. É a criança que ora, é a família que ora junto da criança, é o jovem que ora com a família, e Deus manifesta todo o seu amor, toda a sua graça, toda a sua linda Misericórdia sobre o mundo. Parabéns a esse lindo apostolado. 

Convido as crianças a escutarem esta mensagem e fazerem silêncio na vida de vocês. Vocês estão aqui pela vontade de Deus. Hoje é o dia que Deus escolheu para vocês. Hoje é o dia do Senhor! É um dia sagrado, de bênçãos. O Menino Jesus lhes acolhe neste momento em que já iniciam uma bela preparação para o Natal, para o nascimento do Menino Jesus. Vamos acordar as crianças para esse mistério de Deus, que é o mistério da fé.

Vocês, mães, conduzam seus filhos ao verdadeiro catecismo! É preciso cuidar das crianças e ensinar-lhes o valor da fé, porque o que move o mundo é a oração!

Jesus disse: “Acredite! A oração tem a força da vitória! Quando você ora, você derruba o demônio”.

Vejam a força que tem a oração. Quando você ora, você derruba o demônio. Jesus se manifesta na brisa mansa, porque quando ora, você coloca Deus em sua casa, Deus em sua família, Deus em sua comunidade e Deus em seu coração.

Quero lhes falar como Mãe, que o mundo está orando, mas que precisa orar mais. No meio de uma grande multidão há muitos que não conhecem a oração. Há uma quantidade enorme de filhos que não conhecem o valor da oração. Em cada momento em que se coloca em oração, você recebe a graça de colocar a proteção da Santíssima Trindade em sua vida. O mundo precisa orar mais! Quando digo que o mundo precisa orar mais, desejo que vocês reflitam comigo porque o mundo precisa orar mais. 

A reflexão é clara. O mundo está nas trevas, em pecado, em pecado gravíssimo, gravíssimo, gravíssimo! Ninguém está tendo consciência, mas é preciso estar consciente do quanto a humanidade peca, o quanto magoa o Coração de Jesus e o quanto é preciso que você separe um momento para ter um belo diálogo com Jesus. Nesse diálogo – em que você deve saber silenciar para escutar Jesus – momento em que se apresenta diante de Deus, tenha a graça de pedir perdão, de reconhecer a sua falha, a sua falta, e pedir perdão!

Não importa o tamanho do seu pecado, mas a sinceridade de seu arrependimento. Você pai, mãe, jovem, procure fazer esse exame de consciência. A humanidade tem vivenciado a grave situação dos sofrimentos sobre a Terra. Hoje se vive de forma clara o sofrimento temporal, o mundo em desordem, o clima em desordem, vê-se uma realidade de sofrimento vivenciado em todas as partes, que é o sofrimento temporal.

Jesus falou, e eu, como Mãe, lhes anuncio os três grandes sofrimentos destes finais de tempos: o temporal, o material e o espiritual. A humanidade vive as consequências da desobediência à vontade de Deus. Se refletirem sobre o que o mundo vive hoje, verão que não é a vontade de Deus. Se o mundo vivesse a vontade de Deus, eu não estaria aqui – de corpo e alma – olhando para estas crianças que estão olhando e suplicando a Deus pelo triunfo do meu Imaculado Coração.

Se o ser humano tivesse obediência à Palavra de Deus, eu, Maria, não estaria aqui com vocês nesta hora, neste dia, neste momento. Mas as pessoas são desobedientes por isso os sofrimentos sobre a carne são visíveis. Há muitas enfermidades. É o sofrimento material. É a matéria!

O pecado leva as pessoas a destruir tudo o que Deus lhes deu: a família, a santidade, o valor, a dignidade. Estamos diante de uma humanidade corrompida, destruída, arrasada, pelo pecado! É por isso que as crianças estão aqui em oração. 

Preste atenção: "As crianças formaram uma aliança. Essa aliança das crianças é com o Pai, o Filho e o Espírito Santo." A perseverança destas crianças, a vontade com que elas desejam ver seus lares, suas famílias, melhores. Desejam ver um Brasil e um mundo melhores. Por mais que estejam cercadas de barulho, cercadas da própria natureza infantil, elas são mais sábias do que muitos jovens e adultos. Conseguem sentir de imediato o sofrimento que as cercam, o sofrimento que infelizmente tira da criança a sua infância feliz. 

Por isso estamos aqui lutando em prol da vida. A vida deve ser respeitada a todo o momento. Existem crianças na Terra que – mesmo não tendo sofrido um aborto – estão sempre sofrendo as consequências de um aborto: abandono, desprezo, falta de carinho dos pais. Os pais devem seguir o exemplo de Jesus, que lhes deu a proteção da Sagrada Família de Nazaré.

Quem foi São José para o Menino Jesus?

O que Deus quis que eu, Maria, fosse para o Menino Jesus?

Mãe do Menino Jesus! Jesus teve o carinho, teve o afeto de uma mãe e de um pai. Jesus foi acolhido por Maria e acolhido por São José. Jesus foi acariciado por Maria e foi acariciado por São José. Jesus Menino, mesmo sendo Deus, era um menino que precisava de amor. Ele foi o exemplo do que as crianças precisam: de amor, cuidado e zelo. Jesus acolhia com carinho em sua vida os ensinamentos de São José: o trabalho e a felicidade de estar junto com São José. Assim a família precisa ser edificada.

Por mais que o mundo e o Brasil orem, mais precisam orar ainda. Faça uma reflexão sobre a quantidade de crianças que não sabem orar, sobre a quantidade de crianças que não tiveram uma educação religiosa porque seus pais não tiveram conhecimento da religiosidade. Catequizar é uma missão difícil, mas é belíssima!

Por isso, estas crianças estão aqui hoje orando, orando pelas crianças, pelas mães e pelos pais. Elas sentem de perto um mundo que não tem amor, nem respeito. As pessoas matam e fazem a violência acontecer. Isso não está longe de ninguém. Essa é a situação do Brasil e do mundo, é a situação que predomina em todas as partes da Terra. É por isso que o Céu se abre e Deus me conduz como a Medianeira, a Mensageira, a Mãe que vê vocês, que olha para vocês, que lhes abraça e lhes enxuga as lágrimas. Mas, que também lhes pede: orem! A vitória de vocês, a vitória sobre o demônio vem através da oração, da continha desse Santo Rosário que trazem em suas mãos neste momento, neste local escolhido por Deus – onde há tantos anos Deus me envia de corpo e alma. Muitos ainda não sabem o valor da minha presença na Terra.  A minha missão sobre a face da Terra está terminando. Só verão o valor da Mãe que lhes catequizou, quando essa missão terminar. O ser humano não sabe dar valor a fonte que tem. Só valoriza quando ela seca. A humanidade precisa valorizar esta fonte.

Quantos joelhos se dobram hoje pedindo chuva? As fontes estão secando sobre a Terra. Assim também será quando eu, Maria, concluir a minha missão sobre a Terra. Quantos joelhos se dobrarão por não terem tido a coragem de vir até a fonte e beber desta água. Ao beber desta água, você sai daqui orando, amando a Eucaristia e vivendo a Palavra de Deus.

Ser católico é ser de Cristo. Ser de Cristo é seguir as pegadas de Cristo. Cristo é amor, obediência, fidelidade. Cristo foi obediente ao Pai, foi fiel ao Pai, aceitou a cruz. 

Jesus aceitou a cruz. Essa cruz que muitos de vocês não sabem aceitar. Quando vem a batalha, às vezes, você acha mais fácil jogar a cruz para o lado do que carregá-la. Mas Jesus disse: “Seja feita a sua vontade Pai!”. Ele não jogou a cruz para o lado, mas tomo-a. Sendo Santo, Santo, Santo! Sendo Deus, Ele sofreu toda a humilhação. Submeteu-se a isso porque é Deus. Estava salvando vocês que são filhos de Deus. O desejo de Cristo era de ver vocês livres, por isso pegou a cruz, essa cruz que hoje Ele lhe pede que você também carregue: você pai, você mãe, você missionário.

A missão na Terra é árdua. A batalha é grande. A cruz é pesada. Mas vejam a beleza da oração das crianças. Hoje vocês mergulharam em um domingo de graças. Desde o raiar deste dia o Espírito Santo habitou neste Vale, no coração de todos que estão aqui presentes, principalmente destas crianças. Tudo se torna iluminado.

Disse Jesus: “A maior certeza de que Deus está aqui é a obra que Deus faz aqui!”. Este é o maior milagre: a obra que Deus faz em nós. Estas crianças são um milagre. Às vezes, vocês querem ver um grande sinal, mas se esquecem de que o que veem aqui é o grande sinal. A oração é um grande sinal! É o sinal da vitória. A oração é a certeza da vitória!

Quando você diz: “Em nome do Pai, em nome do Filho, em nome do Espírito Santo”, tem a certeza da vitória! Quando você diz: “Creio em Deus Pai!”, tem a certeza da vitória! Ou vocês se esqueceram de que foi pela cruz que a salvação e a vitória reinaram sobre o mundo? Ou vocês se esqueceram de que o anjo disse: “Ave, cheia de graça!”? 

Vocês estão diante da graça, diante do milagre. Querem ver sinais lindos no céu, mas se esquecem que o maior sinal, que a maior beleza de um sinal é aquela que é feita em seu coração. Palavras de Jesus: “O maior sacrário do mundo é o nosso coração!”. O maior milagre é quando você recebe Jesus em seu coração. É quando você permite que Ele cure você, principalmente você que está doente. Pode ser de uma doença espiritual, pode ser uma contaminação advinda das armadilhas do demônio: vícios, drogas, pecados. Você se liberta dessas coisas. Tem o propósito de se libertar.

Ser um ser novo é ser filho de Deus, autêntico! Jesus pegou aquelas criancinhas em seus braços e disse: “Venham a mim as crianças porque é delas o Reino de Deus”. Essas foram palavras lindas de Jesus. As crianças não conseguem fazer o que muitos jovens e adultos fazem: mentir, fingir. São verdadeiras! Não são como vários jovens que entregam suas vidas às migalhas, enquanto Deus quer dar para eles o Céu. Esses jovens rejeitam o Céu pelas migalhas e se escondem atrás do medo e das fraquezas da carne. Sua carne é forma, mas seu coração é templo da luz do Espírito Santo. Não se esconda atrás da fraqueza da carne, pois você tem uma alma, tem um coração. Tenha o propósito de ser mais santo do que pecador e mais forte do que fraco. Enquanto desejar estar na vida errada, jamais assumirá que é santo e forte! Sempre dirá: “Eu sou fraco!”. As pessoas são fracas, mas Deus não fez você para que fosse fraco. É o demônio que lhe quer fraco.

Vocês estão vendo aqui as crianças como estão fortes. Isso porque estão orando! Comece a orar. Ore com alegria! Seu coração, sua voz, são apenas instrumentos. Seu coração é a fonte da graça. Encha-se de alegria e diga: “Eu quero um milagre!”. Não mendigue pelas migalhas que o demônio lhe ofereça, mas deseje o milagre. No dia em que acreditarem de verdade, verão neste mundo um mundo melhor, porque você será melhor! 

Não atribua a sua fraqueza à fraqueza de sua carne. A carne é apenas pó! Mas você tem uma alma. Quando seu corpo morrer, sua alma ressurgirá! Acreditem filhos! A vida é uma missão belíssima! É um milagre de fé! Vocês querem tantos e tantos aprendizados na vida e se esquecem de buscar e de apreender o maior ensinamento do mundo: o milagre e o mistério da fé! Por isso é que Jesus se torna, de fato, o alimento da vida de vocês. Se Ele é o alimento, não se ligue à fraqueza, não diga que o inimigo lhe enganou. Você é mais forte do que o inimigo. Foi por isso que Jesus disse: “Quando você ora, você derruba o demônio!”. Você pode derrubar o demônio, basta que ore e que sinta o valor da oração.

Quero abençoar estas crianças de coração. Quero agradecer a Deus por elas estarem orando. Peço às crianças que orem e que supliquem pela conversão dos jovens e das famílias. A oração de vocês tem o poder de destruir o demônio, esse mal que quer destruir a humanidade. Com a glória do Senhor, que é a graça de Deus, vocês estão aqui porque são o verdadeiro apostolado de oração que irá erguer o Brasil e mundo para atingir o triunfo do meu Imaculado Coração de Mãe.

Com alegria e com carinho, neste momento abençoarei a todos os filhos.

Neste momento, Nossa Senhora abençoa a todos, enquanto cantam: “Dai-nos a bênção...”

Queridos filhos!

Eu abençoei carinhosamente as lindas flores que enfeitam o meu Coração: os filhos amados, abençoados e protegidos por Jesus, pelo Pai e pelo Espírito Santo. As crianças trazem a certeza da unidade e da fraternidade das famílias. Como é bonito ver a alegria e a serenidade dos pais que trazem seus filhos aqui na presença da Mãe de Piedade que lhes acolhe debaixo de seu manto, lhes abençoa e consagra à Sagrada Família, em preparação para um santo Natal com toda a família.

Que sejam santas e abençoadas as famílias da Terra. Falei para vocês, de forma grandiosa, sobre o carinho que eu, Maria, e São José tínhamos com Jesus Menino, Jesus Criança, crescendo pela vontade do Pai e do Espírito Santo, até o momento em que Deus confiou a linda e nobre missão ao seu Filho Amado, a cruz, a qual Ele venceu. Ele venceu a dor, o sofrimento, e nos deu a grande graça da salvação. A humanidade pode dizer com alegria: “O Sangue de Jesus tem poder!”. O Sangue de Jesus é poderoso. Também lhes falei da grande missão de terem uma alma santa. Foi uma mensagem forte, mas que o mundo precisa escutar. 

O ser humano está sempre atribuindo seus erros à fraqueza da carne, mas se esquece de que alma é forte! O que edifica a carne é a alma. A alma é maior. Não se lamente perante uma vida pecadora. Converta-se! É mais grandioso, é mais lindo para você caminhar buscando o caminho da conversão, do perdão, da serenidade e da simplicidade. 

Deus mostra a necessidade de oração. O mundo está orando. O Brasil está orando. Mas, na verdade, o mundo e o Brasil precisam orar mais.

Jesus nos dá o exemplo da água da fonte. A pessoa só dá valor a água, quando a fonte seca. Assim também acontece com os ensinamentos do Céu. O mundo só valorizará esta graça quando o mundo perder a graça de vir até aqui receber esta catequese que estão ouvindo e de atribuir a ela os frutos que estão chegando.

Este apostolado das crianças é fruto dessa catequese. O maior milagre é o que Deus quer realizar dentro de cada um de nós. Por mais bonito que sejam os sinais que Deus manifestará na Terra, o sinal mais bonito é a felicidade, que vem da conversão dos filhos na Terra.

Que o Pai, o Filho e o Espírito Santo – a Trindade Santa – guarde, proteja e ilumine a humanidade inteira e conduza as criaturas humanas para o caminho da conversão e da fé.

Parabenizo os aniversariantes, a quem está aqui completando os seus anos de vida ou vai completá-los. Agradeçam a Deus pela sua vida, por você estar aqui e fazer parte desta missão com o Céu, com Maria, a Mãe que ama imensamente a cada um de vocês. Desejo a vocês um presente: que tenham uma alma que ame a Divina Misericórdia.

Permaneçam todos em paz. Que o coração de vocês esteja cheio do Espírito Santo.

O Senhor me chama, ama todos nós, e eis aqui a Serva do Senhor.

As flores foram abençoadas para a cura e a libertação de todos os doentes!

Última modificação em Quarta, 02 Novembro 2016 22:14

radio

Canal de Comunicação Oficial das Aparições de Nossa Senhora de Piedade, no Santuário da Mãe de Piedade ( Vale da Imaculada Conceição) em Piedade dos Gerais - MG .  ©  2012 - 2017 Todos os direitos reservados.

Contato:
Romarias Equipe do Site Perguntas Frequentes Endereço do Vale Pedidos de Oração

Informações: (31) 3721-3966 (Fixo) / 9 8431-0338 (Claro) / 9 9908-3966 (Vivo) 
Mensagens de Nossa Senhora via WhatsApp :
31 9 9695-4716