gototopgototop
Assine a nossa Newsletter e receba em seu email, mensagens e noticias do Vale Imaculada Conceição!

Mensagem de 28 de agosto de 2002


Queridos e amados filhos!

É com grande alegria e amor em meu coração que eu os acolho carinhosamente, neste lindo momento de oração.

Peço a Jesus misericordioso que tenha misericórdia de cada um de vocês, em especial por todos os filhos e filhas que estão a caminhar neste caminho da misericórdia, da oração e, principalmente, da paz.

Vamos pedir a Deus, que é a nossa paz, a graça de sermos cristãos autênticos, prudentes, dignos e sábios. Em especial, que busquemos com dignidade uma vivência maior da vontade de Deus nas nossas vidas, e principalmente, que saibamos renunciar a este mundo de podridão, de miséria, de tristeza, e de sofrimento. E saibamos caminhar com dignidade, com sabedoria e com amor ao encontro da paz.

Hoje nós precisamos tanto da paz! Vemos o mundo corrompido pela dor da guerra, pela dor do desespero que é o pecado.

Por isso, meus filhos, eu lhes convido, nesta noite de hoje, através deste momento de fé, deste momento de oração, deste momento em que nós buscamos em verdade a riqueza espiritual, a graça espiritual, onde nós precisamos, com dignidade, com amor e com sabedoria, valorizar as coisas do Céu.

Chega um momento na vida do cristão em que ele precisa amadurecer, crescer, conscientizar-se, silenciar, e no silêncio do seu coração buscar o verdadeiro ideal da sua vida: a caridade, o perdão, a unidade, a santidade e a fé.

O que nós realmente precisamos é deixar o Espírito Santo agir em nós, da forma sábia que só o Espírito Santo pode e age. Porque nós precisamos muito da sabedoria divina em todas as coisas, principalmente para conseguirmos construir um mundo melhor, um mundo que possa ser feliz.

O principal pedido que hoje eu faço à humanidade é a luta por dias melhores.

Eu vejo o mundo em uma decadência tão grande, que eu só tenho que pedir a Jesus um mundo melhor, um mundo onde haja mais paz e menos injustiça.

Mas eu sinto muito por vocês, porque vocês ainda hão de viver um mundo muito injusto, muito pobre, de maior sofrimento do que já está nos dias de hoje, de maiores tristezas do que essas que hoje já se encontram tão perto de nós.

É por isso que precisamos do silêncio como um ato de amor. Precisamos da humildade como um ato de crescimento na fé, na seriedade. Deus quer pessoas sinceras. Hoje muitos estão a anunciar o Reino do Senhor apenas da boca para fora. Não vivem a vontade do Céu, não correspondem aos desígnios de Deus de uma forma correta, sábia e digna.

O homem hoje está diante de uma falha muito grande. O homem hoje vive diante do seu próprio esconderijo: a mentira, a falsidade, o ciúme, a inveja. E isso é algo de que o mundo precisa se libertar, de que o homem precisa se curar. Cristo é a libertação, Cristo é a cura. Então o homem precisa de Cristo.

Neste momento, com bastante determinação, no silêncio dos nossos corações, vamos procurar Cristo para a nossa vida, vamos agradecer a Ele por este dia, por esta noite, por este momento de fé, pela presença de cada um de vocês aqui. E vamos pedir a Cristo muita misericórdia para o mundo, para as famílias, para as nossa comunidades, para cada missionário aqui presente.

Nós devemos recorrer a Deus! A situação está tão dolorosa que Ele é o único que nos dá o recurso para vencer. Então é a Ele que nós recorremos, e recorremos de uma forma sábia, digna e verdadeira.

Com alegria eu vou dar-lhes a minha benção!

Neste momento Nossa Senhora abençoa a todos os presentes, enquanto cantam: dai-nos a bênção...

Queridos e amados filhos!

Eu lhes abençoei com muito amor! Fiquei imensamente feliz com este momento de oração, com a presença de vocês!

Hoje, nesta noite, Jesus mostra para nós a graça do amor, da autenticidade, da sinceridade, e nos fala sobre a tristeza da pior doença - que tem feito com que o mundo esteja tão cheio de sofrimentos, de tristezas e de lágrimas - que é o pecado.

Vamos lembrar hoje de todas as pessoas que estão sofrendo, não só da enfermidade do corpo, mas especialmente da enfermidade do espírito. Vamos lembrar da nossa Comunidade, para que esta busque a cura espiritual, principalmente no conteúdo do amor, do perdão, da caridade, da união e da partilha, porque daqui para frente vocês vão ter uma jornada muito pesada. A fé de vocês precisa ser muito verdadeira e a confiança em Deus, infinita.

A quem me ofertou lindas flores, eu dou o meu Coração de Mãe. Agora eu vou, o Senhor me chama, e eis aqui a Serva do Senhor!

Última modificação em Segunda, 28 Outubro 2013 10:19
Mais nesta categoria: Mensagem de 25 de Agosto de 2002 »

radio

Canal de Comunicação Oficial das Aparições de Nossa Senhora de Piedade, no Santuário da Mãe de Piedade ( Vale da Imaculada Conceição) em Piedade dos Gerais - MG .  ©  2012 - 2017 Todos os direitos reservados.

Contato:
Romarias Equipe do Site Perguntas Frequentes Endereço do Vale Pedidos de Oração Inscrever-se no Apostolado

Informações: (31) 3721-3966 (Fixo) / 9 8431-0338 (Claro) / 9 9908-3966 (Vivo) 
Mensagens de Nossa Senhora via WhatsApp : 31 9 8305-0376