Quinta, 02 Maio 2013 09:33

A obra de Deus no Vale

Avalie este item
(0 votos)

O Céu nos cobre com chuvas de graças. O Vale é a essência do amor de Deus. O que não pode faltar aqui é o amor de Deus. Aqui temos plena confiança de que nada pode destruir as coisas de Deus!

Sexta-feira Santa — 17h30 Capela Sagrada Família

       A capela Sagrada Família estava lotada. Cerca de mil romeiros estavam ali ansiosos para ouvir o que a porta-voz de Nossa Senhora tinha para lhes dizer. Afinal, não é toda hora que se pode ouvir alguém que tem 25 anos de convívio direto com a Rainha do Céu e da Terra. Marilda, de 37 anos, desde os 12 vê, ouve e fala com Ela. Não se escutava nem uma mosca enquanto Marilda falava. Eu tive a nítida impressão de que não era ela, mas sim a Mãe que falava por meio dela. Aquela não era uma aparição de Nossa Senhora, não era uma mensagem vinda direto do Céu. Mas era, sim, um recado que alguém, de carne e osso, nos trazia de lá. Nesse recado Marilda nos revelava, com enorme clareza, o que Deus deseja de cada um de nós, já!

capela

      “Misericórdia é justiça! É preciso ter uma vida diária de oração. Quando você ora, você se levanta. O vacilo pode até acontecer, mas se você ora, você consegue se levantar. Deus quer obras. Se você não tivesse vindo até aqui, como é que Deus faria a obra em você? Um dos maiores empecilhos é o orgulho. O orgulho não nos deixa aceitar críticas. Seja humilde! Com humildade podemos vencer. A nossa obediência se deve a Maria, que construiu esta comunidade. Aqui Nossa Senhora confiou na transformação dos pecadores. O Rosário é a nossa arma. Se você não rezar o Rosário, não conseguirá vencer a batalha diária. Mas o povo não está escutando o que Nossa Senhora pede. Se estivéssemos obedecendo a Deus, Ela não precisaria estar vindo com tanta frequência. É preciso aprender a escutar Nossa Senhora. Mas, pelo contrário, preferimos seguir o exemplo de pessoas que estão pecando no mundo (como acontece com os personagens das telenovelas que invadem as casas). É preciso ter boa vontade. Este é o ano que Nossa Senhora dedicou à fé, à boa vontade e aos jovens (havia um grande número de jovens na capela). Logo no começo do ano houve sofrimento para os jovens e as famílias naquele acidente em Santa Maria, no Rio Grande do Sul (quando mais de 200 jovens morreram queimados dentro de uma boate)."

      “Nossa Senhora pede que tenhamos consciência, que façamos a nossa parte para que possamos dar combate ao mal. Aqui chegam os poucos que querem escutar a Deus. É preciso olhar para o Jesus de hoje que continua derramando graças sobre nós. Nossa Senhora pede que sejamos bons exemplos para o mundo. Mesmo aqui no Vale, nem todos os residentes podem participar das mensagens. O centro de nossa existência é a Igreja, onde Jesus criou a nossa essência que é a Eucaristia. Temos que rezar pelo Santo Padre. Há pessoas que estão dispersas: não se entregam. O Vale representa o mundo; e aqui também acontece como lá, enquanto uns rezam, outros criticam. Essa é a luta do Papa Francisco. O dragão ataca o nosso interior. O aborto é uma maldade, assim como é uma maldade matar alguém que está fora do ventre. É preciso orar em família. Estamos sem ação. É preciso servir a Deus. Deus precisa de nós! Deus quis precisar de nós. Precisamos trabalhar para a glória de Deus! Precisamos levar uma vida de oração para não desanimar. Temos que ter força e fé! É preciso acreditar na Providência, acreditar que o Senhor vai providenciar. Aqui transbordamos de graças. Na cozinha temos o suficiente para nós, para alimentar os romeiros e ainda sobra para os mais carentes da redondeza. Aqui temos amor. Esse amor brota da oração! Não é fácil dar o seu ‘sim’ para Deus. Quando você se entrega, se torna feliz — uma pessoa feliz! Quem serve a Deus com amor é feliz. Nada conseguirá entristecer você. É preciso acreditar e se movimentar.”

       “A nossa entrega conduz à organização de nossa vida. É a oração que organiza a nossa existência diária. Deus é o Senhor do tempo! Ele nos leva a viver o Presente. Agradeça a Deus pelo seu Presente. Vamos também agradecer a Deus pelo Papa Francisco. Nós estamos rezando pela Misericórdia Divina há 25 anos. Há pessoas rezando desde a aparição de Fátima. Nossa Senhora quer a nossa confiança. Enfrente seus problemas, suas dificuldades. Acredite e você vencerá! Deus quer a nossa transformação. Essa é a luta de Nossa Senhora por nós. É a vivência da fé que produzirá a nossa transformação. Eu agradeço a Deus pelas crianças da Casa Mãe (25 meninos). Alguns chegaram aqui bebês, abandonados pelas suas famílias. Agora já são jovens. São jovens que louvam a Deus durante cada dia da semana e, especialmente, aos sábados nas noites de vigília, quando louvam e rezam o Ofício de Nossa Senhora. Temos até um padre que saiu da Casa Mãe, o padre Joaquim Neto, que hoje, serve a Deus como sacerdote em Goiás. A gente se encanta com a Misericórdia de Deus!”

       “Assim como aqui recebemos chuvas de graças, também chegam as críticas, que fortalecem o nosso crescimento espiritual. Aprendemos com as críticas. É preciso ter humildade para aceitá-las. Algumas são para atrapalhar, mas há outras que nos ajudam. Por exemplo, fiquei feliz quando o Sérgio me disse que o nosso site precisa ser atualizado. Foi a partir dessa crítica que comecei a trabalhar no site. Tive a ajuda do Samuel que tem disponibilizado fotos recentes e mensagens atualizadas. Hoje, praticamente todos os dias, tem uma novidade no site. Vamos melhorar mais ainda, principalmente as fotos. O ser humano, em primeiro lugar, olha para as imagens, depois lê o texto. Precisamos ter mais fotos, em especial dos romeiros. O site tem se tornado um instrumento de evangelização. Precisamos evangelizar também através de nosso testemunho de vida. Temos aqui romarias de Ouro Preto, Ipatinga e São Paulo que vieram passar a Semana Santa no Vale. Temos também jovens que vieram de cidades vizinhas como Itaúna, Divinópolis e vários outros lugares. O Céu nos cobre com chuvas de graças. O Vale é a essência do amor de Deus. O que não pode faltar aqui é o amor de Deus. Aqui temos plena confiança de que nada pode destruir as coisas de Deus! O melhor momento de nossa vida é o aconchego nos braços de Nossa Senhora. Foi Ela mesma que nos ensinou a não ligar para as críticas. Antes eu ficava brava, mas Nossa Senhora disse que o demônio quer a nossa irritação. Também me disse que nós somos maiores que o demônio. Se o Vale não fosse autêntico, as pessoas chegariam aqui aos milhares. É preciso olhar os frutos. O povo sabe o que é bom. Aqui se vive o ensinamento do Céu.”

       “Nossa Senhora quer um mundo melhor para as crianças e para os jovens. Ela é tão bondosa que quis que eu fosse a Brasília para ver o senhor Jaci que estava doente. Ele estava desanimado com a notícia de que tinha câncer. Mas, no passado, tinha ajudado tanto ao Vale. Foi um dos esteios na construção da cozinha e até desta escadaria que dá acesso a esta capela. Até assustei com a agilidade com que as coisas se organizaram para a nossa ida a Brasília. A Tereza Norma enviou as passagens e o Ômar se dispôs a dirigir até o aeroporto de Confins. Ficou claro para mim que Deus precisou de nós para alegrar a vida do senhor Jaci. Eu nem sabia que ele estava doente. Ao chegar a sua casa, fui surpreendida por Nossa Senhora, que se manifestou para dar-lhe uma mensagem de ânimo. Ela disse a ele e à esposa que, assim como tinham vencido, com fé, batalhas anteriores (ele teve problemas de coração e foi curado), também venceriam aquela. Disse também que Deus jamais abandona um filho fiel!”

       “Cada alma que ajudamos a salvar traz imensa alegria para Deus. Há pessoas que não querem renunciar ao erro. Há pessoas que se acomodam, mesmo vivendo no Vale. Por isso, precisam experimentar um pouquinho mais do mundo para sentir como o Vale é bom. Embora saibamos todos que a oração é importantíssima, ainda temos muitos que são pirracentos. Precisamos colocar a nossa vida nas mãos de Deus. O que precisamos na vida? De oração, sacrifício e amor. Também precisamos ser eternamente gratos a Deus por tudo que nos dá gratuitamente: florestas, rios, vales e mares. Tudo é dádiva desse Pai Bondoso. Mas, o ser humano poluiu o que Deus, com tanto carinho, nos entregou para cuidar. Somos ingratos. Nossa Senhora nos revela que as doenças e as tristezas se originam de nossos erros e pecados. O espelho de nossa vida deve ser Maria Santíssima. Ela é perfeita em tudo: no amor, na beleza, na humildade! Temos aqui um grande exemplo de humildade que é o Maurílio, o pedreiro do Vale. É um herói! Além de participar das orações da comunidade, ainda ajuda nas construções. Nós acreditamos no poder de Deus! A Previdência, além de encaminhar pessoas como ele, também abastece o Vale de alimentos. Quanto mais arroz sai, mais arroz tem!”

        “Temos alguns moradores com problemas mentais, (aproximadamente 27, entre jovens e adultos) e para cuidar deles é preciso ter sabedoria. Essa sabedoria vem de Nossa Senhora. Aqui tem a mão de Deus. São 17 pessoas com necessidades especiais na casa dos idosos (da Francisca e da Luci), mais 10 fora de lá. O Igor, (14 anos) veio junto como o Ômar e, em vista do que era antes (autista), está praticamente curado. Hoje é um autista sob controle. Um problema que se transformou em uma bênção. Recentemente uma criança me disse para pedir a Nossa Senhora a cura do câncer. Quando você está doente, precisa acreditar na vida. Quando adoecemos, precisamos de nos entregar totalmente a Deus. Entrega total é oração constante, é vigiar e orar! Quando vier o medo, reze! Quando vier a ansiedade, leia um livro com as mensagens de Maria. A receita, portanto, é: fé e entrega. A fé vence a doença. Você tem que ter coragem. Tem de pedir a Nossa Senhora e também a intercessão forte de santos como Santa Mônica, por exemplo. Para mim, a depressão é pior do que o câncer, porque acaba com a fé. Elimina a espiritualidade e leva as pessoas ao suicídio. O demônio faz de nós verdadeiros dragões quando estamos sem oração. É preciso orar constantemente!”

       “Jesus deixou arcas de salvação. São os santuários, os locais das aparições de Nossa Senhora e a Eucaristia. Peçam às pessoas que orem. Os depressivos não têm coragem para orar. Afaste o desânimo com a oração. Sejam felizes e alegres! Tenham força, coragem, busquem a Deus a todo o momento. Precisamos animar nossos jovens. Precisamos vencer o desânimo e a depressão e entregar nosso coração: abri-lo para Deus! A depressão pode ser curada quando trabalhamos para os outros. Temos necessidade de exorcismo. Estamos contaminados pela televisão. Muitas vezes, somos vitimas de traumas que surgem de gestações difíceis. O pecado de Adão e Eva nos acompanha até hoje. Todos precisam de exorcismo. Vamos pedir a Jesus que nos exorcize. O grande exorcista é Jesus!”.

          Trechos da palestra da Marilda enviada por Ômar Souki

Última modificação em Quinta, 02 Maio 2013 11:18
DMC Firewall is developed by Dean Marshall Consultancy Ltd