Terça, 06 Novembro 2018 10:13

Mensagem de 26 de Novembro de 2017

Avalie este item
(1 Votar)

Queridos filhos!

Com grande alegria, neste domingo dia do Senhor, neste encontro de fé e de oração, vivenciamos com sabedoria a presença de Deus Pai, de Deus Filho e de Deus Espírito Santo no meio de nós.

O mistério da Santíssima Trindade é tão lindo, tão sublime. É um mistério que só conhece a alma que vive a graça da fé, da confiança, da oração, da humildade, da simplicidade e conhece com sabedoria.

Se olharmos para este mundo de criaturas tão numerosas sobre todos os cantos da Terra, veremos que a cada uma delas Deus concedeu a vida, Deus concedeu a graça de ser filha, filho – de ter sentimentos, pensamentos, ações e palavras.

O ato de pensar em Deus é o mais importante de sua vida. Quando você coloca seu pensamento em Deus, o Espírito Santo desce sobre você e o Céu se faz presente em sua vida. Esteja onde estiver, pode estar passando por provações, vivenciando um momento de felicidade, de acolhida, ou de entrega. É Deus que lhe concede a maior de todas as ciências que é a ciência de Deus, a ciência que vem de Deus.

O mistério da Santíssima Trindade é tudo que estamos vivenciando hoje neste domingo. É por isso que o domingo significa muito para o cristão, para o católico praticante. É o dia de você respirar esse Deus lindo, esse Deus vivo, esse Deus de amor.

Temos recebido mensagens que são alertas do Céu para cada coração. Jesus nos fala do desamor, da falta de humildade, da falta de perdão, da falta de caridade com o próximo. Ele nos coloca na presença dEle, nessa presença Misericordiosa: “Sejam misericordiosos como o Pai é misericordioso!”.

Jesus nos coloca esta reflexão: Mesmo diante de todos os sofrimentos que estão vivendo, tanto adultos quanto crianças e jovens, vocês precisam ter sabedoria para escutar o coração. Saiba que é no seu coração, que Deus está. É aí que Deus fala com você. É onde Deus age!

As pessoas se perguntam: “É possível que Deus fale comigo?”. É possível sim, filhos! Está aqui a Mãe de Deus lhes dizendo: “Sim, Deus fala com você!”. Basta que tenhamos humildade para ouvir a voz de Deus seja na Palavra, em um momento de oração, em um ato de caridade. Quando você visita um doente, a caridade que pratica ao doente, se torna uma caridade consigo mesmo. Muitas vezes você, que está saudável, não louva e não agradece. Mas, questiona, reclama, nunca diz: “Obrigado, Senhor!”. 

Às vezes, do lado do leito de uma pessoa fraca, cercada pela enfermidade, vê que aquela pessoa está cheia de Deus, dizendo: “Obrigado Senhor pela vida! Obrigado Senhor por este dia!”.

Deus fala conosco neste dia de hoje! Estamos aqui vivenciando uma Comunidade Fraterna, uma comunidade humana, pecadora, que erra, que precisa olhar para o Céu e contemplar esse Deus lindo que é amor, e que também é justiça. Nisso é bonito o plano de Deus. Ele não quer que você caminhe nas trevas. Quer que você caminhe na luz. Deus não lhe quer uma pessoa arrogante, cheia de orgulho e de vaidade. Deus lhe quer uma pessoa humilde, que tem coração. E que nesse coração esteja Jesus, que Jesus fale com você. Que Jesus lhe ensine amar as crianças e a lutar por elas, transmitindo para elas o amor de Deus. Você tem de olhar e ter caridade.

Olho para este mundo e vejo as pessoas perdidas com tanta informação doentia. O que é informação doentia? É o que leva ao pecado, à destruição da família, à destruição da Igreja, que leva à destruição da infância, da juventude. Olho para essas coisas e coloco o meu Coração em Deus, como Mãe de Deus e Mãe de vocês. Vejo que o mundo precisa de Deus. Precisa retirar o pensamento maligno e colocar o pensamento nas coisas de Deus, nas coisas boas e construtivas.

A criança é pura, é capaz, sabe perdoar, sabe salvar. Jesus disse: “Venham a mim as crianças, porque delas é o Reino dos Céus!”. A criança salva a sua família, salva o seu matrimônio. A criança salva o jovem. Olha para o jovem e quer ver nele a liderança que ela deseja ter e ver neste mundo: a paz, o amor!

Como vencer o pensamento malicioso? Como vencer essas informações maliciosas que querem destruir a identidade do ser humano? A identidade que Deus concedeu a um homem de ser pai, de ser sacerdote, de ser missionário. Assim como deu a graça à mulher de ser mãe, evangelizadora, religiosa. O demônio quer tirar até a identidade de vocês, a sua formação.

É por isso que você tem de colocar seu pensamento em Deus. Nesse transtorno de sofrimentos espirituais, o homem perdeu a sua autenticidade. Não sabe que é! Olha para si mesmo e quer ser o que não é. Quer ser algo que contraria a natureza, criada por Deus. Por isso, você precisa ter o seu pensamento em Deus.

Como vencer essa turbulência de sofrimento que está vindo em direção à família, para destruí-la? Para destruir as crianças e os jovens? É ter o seu pensamento em Deus, vivendo um domingo de oração, procurando a oração.

É preciso ter tempo. Ter tempo para se ajoelhar diante do Santíssimo Sacramento e fazer momentos de adoração, momentos de acolhida a Jesus – e ser acolhido por Jesus. É preciso ter momentos de contemplação à Deus que está no meio de nós. Podemos sentir Deus aqui nesta capela singela, um lugar pequenino aos olhos humanos, mas tão grande pela força da oração. Quantas pessoas estão aqui unidas em oração: os romeiros que vieram e aqueles que, mesmo distantes, estão com os corações unidos conosco. Deus está no meio de nós!

Se a pessoa tive zelo pela salvação de sua alma pensaria mais em Deus. Todos vocês que estão aqui nesta capela. Todos vocês! Todos, filhos! Todos!

A qualquer momento Deus pode colher um de vocês. Em qualquer momento! Não precisa estar doente para ser colhido para a Casa do Pai. Por isso, você precisa estar preparado, com alma sedenta de Deus. Se Deus lhe colher hoje e você não estiver preparado, não será colhido para a Casa do Pai. Por isso a sua alma tem de ter sede de Deus. Você precisa se preparar.

A humanidade precisa resgatar o valor da fé! O tempo passa rápido e as pessoas estão perdendo a oportunidade de se amarem e de se respeitarem. As crianças estão perdidas no mundo, porque o alicerce da vida delas são os pais e os pais não estão se fazendo presentes na vida delas. É preciso que vocês tenham direção para vida. Essa direção está nas pegadas de Jesus.

Jesus nos demonstrou a importância de uma família quando o Céu voltou o seu olhar para o Coração de Maria e de São José. Deus olhou para o meu Coração e para o Coração de São José. Demonstrou, através do nascimento do Menino Jesus, que toda a humanidade precisa de uma família. Todos nós. Nós somos uns pelos outros! O pai, a mãe, devem colocar o amor à frente de todas as migalhas.

Mas, vocês estão colocando as coisas materiais em primeiro lugar. Não que elas não sejam importantes para vocês, precisam do abrigo e do trabalho, mas ninguém precisa ser doente, ganancioso e caprichoso. Vocês podem viver neste mundo, sem ter apego a este mundo. Mesmo estando caminhando juntamente com o seu trabalho, na prosperidade. Se Deus lhe deu um pouquinho a mais, que seja partilhado, e se você ainda não tem o que precisa, coloque suas necessidades nas mãos de Deus e saiba ser humilde para receber. Saiba que Deus vai olhar por você! Nenhum filho de Deus na Terra será desamparado. O mundo pode lhe abandonar, mas Deus estará sempre lhe dando força para continuar.

Assim como Jesus deu o exemplo. Considere o exemplo do nascimento de Jesus. Não havia lugar para o Menino Jesus nascer. Ele nasceu em um lugar mais simples. Naquele momento simples, até os animais aqueciam o Menino Jesus. Precisamos ter mais amor.

Esta Comunidade Fraterna foi construída para que o amor reinasse. Ainda não reina porque vocês ainda se deixam levar pelo capricho do mundo: o apego doentio e a ganância! Às vezes vocês estão aqui não pensando no Céu e na obra, mas pensando nas coisas da terra. Os seus olhos lhes seduzem pelo fruto malicioso, que o demônio lhes oferece que são os pecados capitais. Você tem de abrir o seu coração e se entregar.

Diga para o Senhor: “O meu coração, toda a minha vida pertence a Deus. Tudo! Tudo!”. Este dia do Senhor é muito bonito. Estamos aqui vivendo o mistério da Santíssima Trindade, o amor de Deus Pai, o amor de Deus Filho e o amor de Deus Espírito Santo.

Vamos com alegria receber as bênçãos, que neste momento quero dar-lhes.

Neste momento, Nossa Senhora abençoa todos, enquanto cantam: “Dai-nos a bênção...”

Queridos filhos!

Eu lhes abençoei com imenso amor. No momento em que lhes abençoo, peço a Jesus que abençoe a estas flores para a cura e libertação dos doentes do corpo e da alma.

A reflexão de hoje nos mostra o quanto o mundo está doente da alma: as famílias e até mesmo as crianças, já vivenciam o sofrimento da alma. Falta de luz, de brilho, de fé, de entrega.

É tão bonito quando o Senhor e fala conosco: “Eu sou o caminho, a verdade e a vida!”.

Você, às vezes, fica perdido neste mundo, caindo e se esquecendo que o Senhor quer lhe levantar. Pois, a vida passa ligeiro e Deus lhe fez para que tenha um lugar grande, na eternidade. Esta mensagem coloca todos os corações aqui presentes diante dessa reflexão.

Parabenizo a todos os aniversariantes, lhes desejando paz!

Que vocês permaneçam sob as bênçãos do Pai, do Filho e do Espírito Santo!

Eis aqui a Serva do Senhor e eis que o Senhor me chama!

Our website is protected by DMC Firewall!